Módulo I

A Química  utiliza-se da matéria que se encontra na natureza para transformá-la em produtos que  possam melhorar nossa qualidade de vida.

   Apropriarmos da química  a ciência que estuda a matéria que por definição tem massa e ocupa lugar no espaço agregada por  vários tipos de elementos químicos apresentados por símbolos, quando se unem formam moléculas que representam  propriedades definidas como substâncias covalentes e iônicas as quais tratamos por fórmulas que determina a sua composição e o índice, é seu números de átomos a cada elemento que constitui a molécula da substância.

   A simbologia  para representar os átomos abreviadamente foi proposta por Berzélius.  pode ter uma, duas ou três letras, sendo somente a primeira maiúscula. Exemplos  Cobre (cuprum) Cu, Prata (argentum)  Ag,  Ouro (aurum)  Au,  Chumbo  (plumbum)  Pb,  Enxofre  (sulphur) S.

   A  composição da    fórmula da água é  H2O, indica que  a substância é formada pelos elementos hidrogênio e oxigênio(composição qualitativa) e que a molécula de água é formada por dois átomos de hidrogênio ligados a um átomo de oxigênio ( composição quantitativa),  se houver  um tipo só de elemento químico a substância é pura e simples, ou seja, formada por átomo de mesmo número atômico.

    São exemplos de substâncias simples o H2, O2, O3, S8.    A quantidade de átomos que fazem parte de uma molécula de uma substância simples é conhecida como atomicidade.

   Caso haja mais que um elemento químico ou mais que dois números atômicos diferentes, será uma substância composta.   São exemplos de substâncias compostas: H2O, NaOH, KNO3.

    É raro encontrarmos substancias puras na natureza geralmente  temos substâncias impuras, que são misturadas de uma substância principal e outras que constituem a sua impureza.

     Substâncias puras durante suas mudanças de estado físico constituem sistemas heterogêneo, mas não são misturas é os casos gelo em água e vapor de água com água liquida.

    As Substâncias puras apresentam composição fixa, d, PF, PE e outras propriedades invariáveis.

   Exemplos na água determinaram o grau de pureza quando temos 4C0 para sua densidade em seu ponto de fusão e ebulição em (1atm) experimentalmente, sua temperatura permanece inalterada desde o inicio até o fim de mudança de estado físico, tais como fusão e ebulição.

   Toda solução por definição é homogênea exemplificamos a agua e açúcar ou sal, e uma mistura heterogênea agua e gasolina, agua e azeite e agua e granito. sendo que mistura é todo material constituído por duas ou mais substancias puras tem composição variáveis tal como d, PF,e PE.

   A mistura interage, mas não reage exemplificamos  a salmoura que é uma mistura de duas substâncias puras, agua e sal, assim a salmoura com 10% de NaCl tem d,PF,e PE diferentes de uma salmoura de 5% de NaCl.

  Existem mistura que se comportam como substâncias puras no processo de fusão, isto é, a temperatura mantém-se inalterada do inicio ao fim da sua fusão a chamamos de eutéticas.

   A reação química  transformam, reage e interage e  podem ser físicas ou químicas.   Transformações físicas: não alteram a natureza das ligações entre os átomos, somente altera o estado de agregação entre eles.

   É o  caso da evaporação da água.   Ao passar do estado líquido para o gasoso, as moléculas de água ficam mais distanciadas umas das outras, a natureza da substância não é alterada.        H2O(líq.)   =>   H2O(vap.) .

   Transformações químicas: durante as mesmas ocorre o rearranjo dos átomos, originando substâncias diferentes das iniciais.     HCl   +   NaOH   =>   NaCl   +   H2O

As substâncias localizadas antes da flecha são reagentes e depois  chamadas de produtos.

.

.  Um sistema é uma parte do universo usado para estudo,  o sistema  homogêneo, monofásico têm as mesmas propriedades emsua extensão e  é uniforme opticamente os gases sempre são homogêneos.

    Então as fases são diferentes partes homogêneas que constitui o sistema heterogêneo com duas ou mais fases, ou polifásico, não apresenta as mesmas propriedades em sua extensão e não é uniforme opticamente.

   Diagrama de fases é o gráfico que permite interpretar as relações existentes entre as fases sólida, líquida e de vapor.   Este diagrama explicita as condições para as quais uma substância existe no estado sólido, líquido ou gasoso. 

.

.                       Os Modelos atômicos:

.       Os Filósofos da antiguidade Demócrito, Leucipo e outros, admitiam que a matéria éra ( a = Não e tomo = divisão), isto é,  Indivisível.   

    Dalton no século XIX por resultados experimentais afirmava que é uma partícula indivisível e maciça, bola esférica.    

1. Os elementos são formados por pequeníssimas partículas, os átomos.
2. Todos os átomos de um determinado elemento são idênticos entre si.

3. Os átomos de um determinado elemento são diferentes dos átomos de outro elemento e o que  os diferencia são suas massas relativas.
4. Os átomos de um elemento podem se combinar com átomos de outros elementos formando os
átomos compostos. Um dado composto possui sempre o mesmo número relativo de tipos de átomos.
5. Os átomos não podem ser criados, divididos ou destruídos através de processos químicos. Uma
reação química simplesmente altera o modo de agrupamento dos átomos.

    Thomsom, acreditava numa geléia com carga positiva que distribuía um certo número de elétrons, Pudim de passas.

    Rutherford, descobre que o átomo é descontínuo, um núcleo maciço positivo envolvido por elétrons constituindo a eletrosfera.

O átomo de qualquer material do universo se constitui de três partículas básicas Prótons, Nêutrons e Elétrons.

Em seu núcleo prótons e nêutrons que formam a maior  massa do átomo, contornado por elétrons onde chamamos camadas da eletrosfera.     O núcleo é 10.000 vezes menor que o átomo e o elétron e 1840 vezes menor que a massa do próton e nêutron.

Partícula Massa (grama) Massa relativa Carga elétrica (C.) Carga relativa
Próton (p+)       1,7.10-24  1   +1,6.10-19 +1
Nêutron (n0)        1,7.10-24                  1             0  0
Elétron (e-)        9,1.10-28                                    1/1840 -1,6.10-19 -1

O átomo tem o numero de prótons (P) igual ao numero de elétrons (e), onde o íon é a diferença entre prótons e elétrons se P > e = íon positivo (Cátion ) e se  e >P = íon negativo  ( ânion ) eletricamente.

O número atômico (Z),  Z=n.p, equivale a quantidade de prótons onde estabelece um único  elemento químico,  e cada elemento um único numero atômico, e átomos de mesmo (Z) pode formar duas ou mais substâncias simples diferentes variedades alotrópicas.

    Exemplos:  (O oxigênio e o ozônio),  A massa  (A) é  soma de prótons com neutro  sendo (A = p + n)  e  X é o símbolodo elemento químico. ZXA, 13Al27,  11Na23 .

São  isótopos  quando o número atômico (Z) são iguais entre o mesmo elemento químico, e diferente número de massa. (Prótio, dutério e trítio )   1H1, 1H2, 1H3

   Isóbaros, são átomos com o mesma massa e diferente números atômicos e diferentes elementos químicos,    18Ar40 , 19K40 , 20Ca40     

   Isótonos, para os que diferente elementos químicos e o mesmo número de nêutrons. 8O167N15, onde, O, tem 8 nêutrons e  o N, temos 22 nêutrons.

Em 1913, Niels Bohr, na espectroscopia complementa o modelo de Rutherford, onde cria a eletrosfera do átomo, onde elétrons giram em torno do núcleo e se estiver numa mesma comada, se encontra no estado estacionário, isto é, Não perde e nem ganha  energia.

.

Isoeletrônicos:  Exemplos

7N3-                              9F1-                              13Al3+

e- = 7+3 = 10e-              e- = 9+1 = 10e-                  e- = 13-3 = 10e-

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Agrupar por camadas é distribuir os elétrons nos subníveis  ou distribuição geométrica Distribuição eletrônica do ferro,

Fe= 1S2 / 2S2, 2p6 / 3S2, 3p6, 3d6 / 4S2 o subnível  mais energético identifica o elemento

      K            L               M                 N   são as camadas da eletrosfera comportando os subníveis  e  2 elétrons na ultima camada de valência.

A Lei de Conservação da Massa, de Lavoisier, estabelece que, durante um fenômeno químico ou físico, a matéria não pode ser criada ou destruída, só pode ser transformada.  Seja, as quantidades e tipos de átomos que aparecem antes e depois da flecha que indica a ocorrência da transformação devem ser as mesmas.

  HCl   +   NaOH   =>   NaCl   +   H2O

   Átomos  reagentes: 2 H, 1 Cl, 1 Na e 1 O.  Átomos  produtos: 2 H, 1 Cl, 1 Na, 1 O.

A Química deve propiciar as  possibilidades da compreensão das transformações químicas que ocorrem no mundo físico de forma abrangente e integrada, assim podem julgar, com fundamentos, as informações adquiridas na mídia, na escola, com pessoas, etc.

A compreensão e  concepções dos estudantes acerca da estrutura e comportamento de átomos e moléculas em compostos químicos, tem sido motivo de muitas preocupações.

As dificuldades que os alunos trazem acerca do tema modelos atômicos é constante,  compreender tais modelos ou ou como esse assunto é tratado e apresentado pelos professores nas aulas iniciais de química.

Sabemos que tudo que nos rodeia e ocupa lugar no espaço é matéria, mas de que é constituída a matéria?

Sim  átomo e a unidade fundamental da matéria, então qual é a estrutura de um átomo e como falar de uma coisa que ninguém até hoje nunca viu?

Se estudarmos os  modelos atômicos os quais sofrem modificações, para facilitar os estudos em química, como apresentar ou abordar esse tema de modo significativo no ensino médio?

Olhe os modelos de árvore para quem nunca viu!!

A mesma arvore pode possuir diversos modelos diferentes, cada um com suas caracteristicas e limitacoes que atendem a um determinado proposito. Pode ser que voce decida ser detalhista, observe a arvore durante dias, faca anotações e faça outro desenho (modelo), com mais detalhes, que corrija erros dos desenhos anteriores. Parabens, seu modelo podera explicar muito bem o que e uma arvore, mesmo para quem nunca tenha visto uma. Mas… continua sendo um modelo. “ Moises S. Nisembaum”

Átomos são o início e permanente estudo em química porque a matéria é feita por átomos associados a elementos químicos representados por símbolos, e  como propriedade  o numero atômico, pode ser isótopos, possuem  núcleo, elétrons e prótons (íons).

Os átomos formam moléculas as quais se ligam para formarem substâncias  representadas por fórmulas químicas  que nos fornecem informações qualitativa e quantitativa, que podem ser  simples ou elementares e até mesmos  compostas.

As substâncias constituem os materiais e quando as juntamos formam misturas que podem ser homogenias e heterogêneas caracterizadas através de composição quantitativas que podemos expressar  por grandezas, isto é,  concentração e massa do soluto ao solvente, da densidade e volume às  temperaturas e pressão.

Assim é a arte de formar soluções e matérias combinados,  purificados ou separados para nos atender de acordo com as necessidades.

A atomística é um tema que apresenta uma grande complexidade, pois os alunos demostram muita dificuldade de compreensão, além de dificilmente conseguirem aplicar os seus conhecimentos ao cotidiano. Porém, torna-se indiscutível a importância dos modelos atômicos para elucidação de teorias.

atualmente o modelo mais aceito para a estrutura da matéria é o quântico. Através das leis peculiares da Física
Quântica o muito pequeno pode ser explicado, proporcionando à Química moderna fortes alicerces,
tanto para compreender os fenômenos químicos quanto para fazer previsões.

Precisa-se de repensar as metodologias empregadas  para apresentar tais modelos, a evolução do modelo atômico é relevante nos livros didáticos. O importante que os alunos possam  decorem nomes símbolos e datas, mas se apropriem do entendimento do mundo microscópio imaginário da Química.

Siga a estrutura do ponto que achar mais conviniente.

Acido & Base

Apostila Educativa

LEITURA INICIAL

Portal de estudos em Química – EXCELENTE SITE!!!!
http://www.profpc.com.br/radioatividade.htm

Radioatividade – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/radio.pdf

Aplicações da Energia Nuclear – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/aplica.pdf

Aplicações da Radioatividade – Elaborado pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/aplic-soc.asp

LEITURA INTERMEDIÁRIA

História da Energia Nuclear – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/historia.pdf

Energia Nuclear – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/energia.pdf

Programa de informação CNEN – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/PIC.pdf

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Introdução.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: O que significa Radiação Nuclear.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear1.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Decaimento Radioativo.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear2.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Um perigo natural.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear3.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Mais informações sobre radiação nuclear.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear4.htm

UOL – Como funciona a radiação: Introdução.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao.htm

UOL – Como funciona a radiação: Radiação natural.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao1.htm

UOL – Como funciona a radiação:Radiação produzida artificialmente.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao2.htm

UOL – Como funciona a radiação: Radiação ionizante.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao3.htm

UOL – Como funciona a radiação: Exposição à radiação.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao4.htm

LEITURA AVANÇADA

Radiações Ionizantes – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/rad_ion.pdf

VÍDEOS

ÓTIMOS

MÚSICA – Concurso VideoClip de Quimica – RADIOATIVIDADE
http://www.youtube.com/watch?v=GYl8kyk5IdU
QUÍMICA 2 – Estrutura do átomo
http://www.youtube.com/watch?v=OXFB93l96EA
REUNI Biofísica 2010 – Radiação Ionizante – O que é radiação ionizante? Características das partículas alfa, beta e radiação gama.
http://www.youtube.com/watch?v=Ch3w_THmn4U
Pontociência – Alfa e beta: dois tipos de radiação
http://www.youtube.com/watch?v=NOW0yGgvMmI
Pontociência – Desvio da partícula beta – Parte 1
http://www.youtube.com/watch?v=_ekgOpiImgs
Pontociência – Desvio da partícula beta – Parte 2
http://www.youtube.com/watch?v=UE7bz6koUIM
Pontociência – O experimento de Becquerel
http://www.youtube.com/watch?v=Do-p-GdWUc0
Differentiating Alpha, Beta and Gama Waves – Experiment Rutherford.
ttp://www.youtube.com/watch?v=4OkR-B4BpvA
Trabalho – Física Nuclear – Fusão e Fissão nuclear. Bomba atômica e Bomba de Hidrogênio. Caracterísicas das radiações alfa, beta e gama. Usina Nuclear e seu funcionamento. Pontos positivos e negativos da energia nuclear.
http://www.youtube.com/watch?v=mgFUrwwllxE
Radiações Alfa, beta e gama
http://www.youtube.com/watch?v=kHwa-9gDSVE
Química: Radioatividade 01 (Prof. Toid) – Experimento de Rutherford. Características das partículas alfa, beta e radiação gama. 1ª Lei da Radioatividade (Lei de Sody). 2ª Lei da Radioatividade (Lei de Sody, Fajans e Russel).
http://www.youtube.com/watch?v=hRxAy9rk2sE
Química: Radioatividade 02 (Prof. Toid) – Poder de penetração das partículas alfa, beta e radiação gama. Histórico da radioatividade. Fusão e Fissão Nuclear. Reator Nuclear. Contador Geiger-Muller. Tempo de meia-vida, cálculo e gráfico.
http://www.youtube.com/watch?v=YD4He9-ZSqY
Tipos De Radiação Partícula Alfa Beta E Radiação Gama. Poder de Penetração. Contador Geiger-Muller.
http://www.youtube.com/watch?v=N1TMhRKiOBk
Efeitos da radiação nuclear no organismo humano – Acidente de Fukushima. Penetração e efeitos da radiação no corpo humano. Efeitos da radiação no meio ambiente. O iodo e a tireóide – Jornal da Globo.
http://www.youtube.com/watch?v=7kiYqy_iHIM
O que a radiação pode causar – Escala de exposição em millisieverts(mSv)
http://www.youtube.com/watch?v=70UTvgRZXws
Radiação e o corpo humano – vídeo 1 (radiação alfa, beta e gamma)
http://www.youtube.com/watch?v=y0PIbMxHtEo
Radiação e o corpo humano – vídeo 2
http://www.youtube.com/watch?v=RdregY80Zm8
ENERGIA NUCLEAR

Energia Nuclear e seus benefícios – Vídeo produzido pela Prof. Anne Nascimento
http://www.youtube.com/watch?v=AyMp_uMebHY
Aplicações da Radioatividade – QUIMICA
http://www.youtube.com/watch?v=Cpl54FktmRo
Importância da energia Nuclear, seus pontos positivos e negativos. Histórico na energia nuclear no Brasil, Angra I, II e III. Chernobyl – Trabalho sobre Energia Nuclear
http://www.youtube.com/watch?v=yj0M-7-Hoeo
O átomo, funcionamento usina nuclear, lixo nuclear, Chernobyl – Energia Nuclear – Parte 1
http://www.youtube.com/watch?v=gLHl5PKZ-GM
Desafio Nuclear o uso da energia na medicina – Globo Vídeos – VIDEO
http://www.youtube.com/watch?v=0X6qQZjGXzs
ACIDENTE DE GOIÂNIA COM CÉSIO 137

Césio 137 – Linha Direta (parte 1 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=kdC70RKqQWk
Césio 137 – Linha Direta (parte 2 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=DYfO1oIKITw
Césio 137 – Linha Direta (parte 3 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=cO2g_XVC5XY
Césio 137 – Linha Direta (parte 4 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=bIDaAPkWgB0
BOMBA ATÔMICA

História da bomba atômica – Rede Globo – Fantástico
http://www.youtube.com/watch?v=Yvo0dyW1vTE
Bomba atômica – Trabalho escolar realizado por Nuno Ferreira – EXCELENTE VÍDEO!!!
http://www.youtube.com/watch?v=O8b09lsY9-k
Impacto Bomba Atômica em Hiroshima – EXCELENTE VÍDEO!!!
http://www.youtube.com/watch?v=VKnBLUujxgc
Bomba Atômica de Hiroshima e Nagasaki – Trabalho de química elaborado por NahhLi.
http://www.youtube.com/watch?v=ZDOZX9GaeO0

ANIMAÇÕES

RAIO-X
http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/17150/Web/labvirtq/simulacoes/tempUpLoad/sim_qui_raiox.htm

TEMPO DE MEIA-VIDA
Tempo de meia-vida – decaimento radioativo
http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/937/atividade3/atividade3.htm

Tempo de meia-vida – decaimento radioativo
http://www.walter-fendt.de/ph14br/lawdecay_br.htm

USINA NUCLEAR
Funcionamento Usina nuclear
http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/9572/atividade4/atividade4.htm

Houve vazamento de material radioativo, a agora? Com exercícios. http://www.labvirtq.fe.usp.br/simulacoes/quimica/sim_qui_radioatividade.htm

Densidade

Fonte:

http://phet.colorado.edu/sims/density-and-buoyancy/density.swf

……………………………………………………………………………………………………….

Introdução

A Química utiliza-se da matéria que se encontra na natureza para transformá-la em produtos que possam melhorar nossa qualidade de vida.

Apropriarmos da química a ciência que estuda a matéria que por definição tem massa e ocupa lugar no espaço agregada por vários tipos de elementos químicos apresentados por símbolos, quando se unem formam moléculas que representam propriedades definidas como substâncias covalentes e iônicas as quais tratamos por fórmulas que determina a sua composição e o índice, é seu números de átomos a cada elemento que constitui a molécula da substância.

A simbologia para representar os átomos abreviadamente foi proposta por Berzélius. pode ter uma, duas ou três letras, sendo somente a primeira maiúscula. Exemplos Cobre (cuprum) Cu, Prata (argentum) Ag, Ouro (aurum) Au, Chumbo (plumbum) Pb, Enxofre (sulphur) S.

A composição da fórmula da água é H2O, indica que a substância é formada pelos elementos hidrogênio e oxigênio(composição qualitativa) e que a molécula de água é formada por dois átomos de hidrogênio ligados a um átomo de oxigênio ( composição quantitativa), se houver um tipo só de elemento químico a substância é pura e simples, ou seja, formada por átomo de mesmo número atômico.

São exemplos de substâncias simples o H2, O2, O3, S8. A quantidade de átomos que fazem parte de uma molécula de uma substância simples é conhecida como atomicidade.

Caso haja mais que um elemento químico ou mais que dois números atômicos diferentes, será uma substância composta. São exemplos de substâncias compostas: H2O, NaOH, KNO3.

É raro encontrarmos substancias puras na natureza geralmente temos substâncias impuras, que são misturadas de uma substância principal e outras que constituem a sua impureza.

Substâncias puras durante suas mudanças de estado físico constituem sistemas heterogêneo, mas não são misturas é os casos gelo em água e vapor de água com água liquida.

As Substâncias puras apresentam composição fixa, d, PF, PE e outras propriedades invariáveis.

Exemplos na água determinaram o grau de pureza quando temos 4C0 para sua densidade em seu ponto de fusão e ebulição em (1atm) experimentalmente, sua temperatura permanece inalterada desde o inicio até o fim de mudança de estado físico, tais como fusão e ebulição.

Toda solução por definição é homogênea exemplificamos a agua e açúcar ou sal, e uma mistura heterogênea agua e gasolina, agua e azeite e agua e granito. sendo que mistura é todo material constituído por duas ou mais substancias puras tem composição variáveis tal como d, PF,e PE.

A mistura interage, mas não reage exemplificamos a salmoura que é uma mistura de duas substâncias puras, agua e sal, assim a salmoura com 10% de NaCl tem d,PF,e PE diferentes de uma salmoura de 5% de NaCl.

Existem mistura que se comportam como substâncias puras no processo de fusão, isto é, a temperatura mantém-se inalterada do inicio ao fim da sua fusão a chamamos de eutéticas.

A reação química transformam, reage e interage e podem ser físicas ou químicas. Transformações físicas: não alteram a natureza das ligações entre os átomos, somente altera o estado de agregação entre eles.

É o caso da evaporação da água. Ao passar do estado líquido para o gasoso, as moléculas de água ficam mais distanciadas umas das outras, a natureza da substância não é alterada. H2O(líq.) => H2O(vap.) .

Transformações químicas: durante as mesmas ocorre o rearranjo dos átomos, originando substâncias diferentes das iniciais. HCl + NaOH => NaCl + H2O

As substâncias localizadas antes da flecha são reagentes e depois chamadas de produtos.

. Um sistema é uma parte do universo usado para estudo, o sistema homogêneo, monofásico têm as mesmas propriedades emsua extensão e é uniforme opticamente os gases sempre são homogêneos.

Então as fases são diferentes partes homogêneas que constitui o sistema heterogêneo com duas ou mais fases, ou polifásico, não apresenta as mesmas propriedades em sua extensão e não é uniforme opticamente.

Diagrama de fases é o gráfico que permite interpretar as relações existentes entre as fases sólida, líquida e de vapor. Este diagrama explicita as condições para as quais uma substância existe no estado sólido, líquido ou gasoso.

Os Modelos atômicos:

. Os Filósofos da antiguidade Demócrito, Leucipo e outros, admitiam que a matéria éra ( a = Não e tomo = divisão), isto é, Indivisível.

Dalton no século XIX por resultados experimentais afirmava que é uma partícula indivisível e maciça, bola esférica.

1. Os elementos são formados por pequeníssimas partículas, os átomos.
2. Todos os átomos de um determinado elemento são idênticos entre si.

3. Os átomos de um determinado elemento são diferentes dos átomos de outro elemento e o que os diferencia são suas massas relativas.
4. Os átomos de um elemento podem se combinar com átomos de outros elementos formando os
átomos compostos. Um dado composto possui sempre o mesmo número relativo de tipos de átomos.
5. Os átomos não podem ser criados, divididos ou destruídos através de processos químicos. Uma
reação química simplesmente altera o modo de agrupamento dos átomos.

Thomsom, acreditava numa geléia com carga positiva que distribuía um certo número de elétrons, Pudim de passas.

Rutherford, descobre que o átomo é descontínuo, um núcleo maciço positivo envolvido por elétrons constituindo a eletrosfera.

O átomo de qualquer material do universo se constitui de três partículas básicas Prótons, Nêutrons e Elétrons.

Em seu núcleo prótons e nêutrons que formam a maior massa do átomo, contornado por elétrons onde chamamos camadas da eletrosfera. O núcleo é 10.000 vezes menor que o átomo e o elétron e 1840 vezes menor que a massa do próton e nêutron.

Partícula Massa (grama) Massa relativa Carga elétrica (C.) Carga relativa
Próton (p+) 1,7.10-24 1 +1,6.10-19 +1
Nêutron (n0) 1,7.10-24 1 0 0
Elétron (e-) 9,1.10-28 1/1840 -1,6.10-19 -1

O átomo tem o numero de prótons (P) igual ao numero de elétrons (e), onde o íon é a diferença entre prótons e elétrons se P > e = íon positivo (Cátion ) e se e >P = íon negativo ( ânion ) eletricamente.

O número atômico (Z), Z=n.p, equivale a quantidade de prótons onde estabelece um único elemento químico, e cada elemento um único numero atômico, e átomos de mesmo (Z) pode formar duas ou mais substâncias simples diferentes variedades alotrópicas.

Exemplos: (O oxigênio e o ozônio), A massa (A) é soma de prótons com neutro sendo (A = p + n) e X é o símbolo do elemento químico. ZXA, 13Al27, 11Na23 .

São isótopos quando o número atômico (Z) são iguais entre o mesmo elemento químico, e diferente número de massa. (Prótio, dutério e trítio ) 1H1, 1H2, 1H3

Isóbaros, são átomos com o mesma massa e diferente números atômicos e diferentes elementos químicos, 18Ar40 , 19K40 , 20Ca40

Isótonos, para os que diferente elementos químicos e o mesmo número de nêutrons. 8O16 , 7N15, onde, O, tem 8 nêutrons e o N, temos 22 nêutrons.

Em 1913, Niels Bohr, na espectroscopia complementa o modelo de Rutherford, onde cria a eletrosfera do átomo, onde elétrons giram em torno do núcleo e se estiver numa mesma comada, se encontra no estado estacionário, isto é, Não perde e nem ganha energia.

.

Isoeletrônicos: Exemplos

7N3- 9F1- 13Al3+

e- = 7+3 = 10e- e- = 9+1 = 10e- e- = 13-3 = 10e-

.

Agrupar por camadas é distribuir os elétrons nos subníveis ou distribuição geométrica Distribuição eletrônica do ferro,

Fe= 1S2 / 2S2, 2p6 / 3S2, 3p6, 3d6 / 4S2 o subnível mais energético identifica o elemento

K L M N são as camadas da eletrosfera comportando os subníveis e 2 elétrons na ultima camada de valência.

A Lei de Conservação da Massa, de Lavoisier, estabelece que, durante um fenômeno químico ou físico, a matéria não pode ser criada ou destruída, só pode ser transformada. Seja, as quantidades e tipos de átomos que aparecem antes e depois da flecha que indica a ocorrência da transformação devem ser as mesmas.

HCl + NaOH => NaCl + H2O

Átomos reagentes: 2 H, 1 Cl, 1 Na e 1 O. Átomos produtos: 2 H, 1 Cl, 1 Na, 1 O.

A Química deve propiciar as possibilidades da compreensão das transformações químicas que ocorrem no mundo físico de forma abrangente e integrada, assim podem julgar, com fundamentos, as informações adquiridas na mídia, na escola, com pessoas, etc.

A compreensão e concepções dos estudantes acerca da estrutura e comportamento de átomos e moléculas em compostos químicos, tem sido motivo de muitas preocupações.

As dificuldades que os alunos trazem acerca do tema modelos atômicos é constante, compreender tais modelos ou ou como esse assunto é tratado e apresentado pelos professores nas aulas iniciais de química.

Sabemos que tudo que nos rodeia e ocupa lugar no espaço é matéria, mas de que é constituída a matéria?

Sim átomo e a unidade fundamental da matéria, então qual é a estrutura de um átomo e como falar de uma coisa que ninguém até hoje nunca viu?

Se estudarmos os modelos atômicos os quais sofrem modificações, para facilitar os estudos em química, como apresentar ou abordar esse tema de modo significativo no ensino médio?

Olhe os modelos de árvore para quem nunca viu!!

A mesma arvore pode possuir diversos modelos diferentes, cada um com suas caracteristicas e limitacoes que atendem a um determinado proposito. Pode ser que voce decida ser detalhista, observe a arvore durante dias, faca anotações e faça outro desenho (modelo), com mais detalhes, que corrija erros dos desenhos anteriores. Parabens, seu modelo podera explicar muito bem o que e uma arvore, mesmo para quem nunca tenha visto uma. Mas… continua sendo um modelo. “ Moises S. Nisembaum”

Átomos são o início e permanente estudo em química porque a matéria é feita por átomos associados a elementos químicos representados por símbolos, e como propriedade o numero atômico, pode ser isótopos, possuem núcleo, elétrons e prótons (íons).

Os átomos formam moléculas as quais se ligam para formarem substâncias representadas por fórmulas químicas que nos fornecem informações qualitativa e quantitativa, que podem ser simples ou elementares e até mesmos compostas.

As substâncias constituem os materiais e quando as juntamos formam misturas que podem ser homogenias e heterogêneas caracterizadas através de composição quantitativas que podemos expressar por grandezas, isto é, concentração e massa do soluto ao solvente, da densidade e volume às temperaturas e pressão.

Assim é a arte de formar soluções e matérias combinados, purificados ou separados para nos atender de acordo com as necessidades.

A atomística é um tema que apresenta uma grande complexidade, pois os alunos demostram muita dificuldade de compreensão, além de dificilmente conseguirem aplicar os seus conhecimentos ao cotidiano. Porém, torna-se indiscutível a importância dos modelos atômicos para elucidação de teorias.

atualmente o modelo mais aceito para a estrutura da matéria é o quântico. Através das leis peculiares da Física
Quântica o muito pequeno pode ser explicado, proporcionando à Química moderna fortes alicerces,
tanto para compreender os fenômenos químicos quanto para fazer previsões.

Precisa-se de repensar as metodologias empregadas para apresentar tais modelos, a evolução do modelo atômico é relevante nos livros didáticos. O importante que os alunos possam decorem nomes símbolos e datas, mas se apropriem do entendimento do mundo microscópio imaginário da Química.

Apostila Educativa

LEITURA INICIAL

Portal de estudos em Química – EXCELENTE SITE!!!!
http://www.profpc.com.br/radioatividade.htm

Radioatividade – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/radio.pdf

Aplicações da Energia Nuclear – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/aplica.pdf

Aplicações da Radioatividade – Elaborado pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/aplic-soc.asp

LEITURA INTERMEDIÁRIA

História da Energia Nuclear – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/historia.pdf

Energia Nuclear – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/energia.pdf

Programa de informação CNEN – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/PIC.pdf

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Introdução.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: O que significa Radiação Nuclear.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear1.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Decaimento Radioativo.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear2.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Um perigo natural.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear3.htm

UOL – Como funciona a radiação nuclear: Mais informações sobre radiação nuclear.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao-nuclear4.htm

UOL – Como funciona a radiação: Introdução.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao.htm

UOL – Como funciona a radiação: Radiação natural.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao1.htm

UOL – Como funciona a radiação:Radiação produzida artificialmente.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao2.htm

UOL – Como funciona a radiação: Radiação ionizante.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao3.htm

UOL – Como funciona a radiação: Exposição à radiação.
http://ciencia.hsw.uol.com.br/radiacao4.htm

LEITURA AVANÇADA

Radiações Ionizantes – Apostila Educativa – Elaborada pelo CNEN
http://www.cnen.gov.br/ensino/apostilas/rad_ion.pdf

VÍDEOS ÓTIMOS

MÚSICA – Concurso VideoClip de Quimica – RADIOATIVIDADE
http://www.youtube.com/watch?v=GYl8kyk5IdU
QUÍMICA 2 – Estrutura do átomo
http://www.youtube.com/watch?v=OXFB93l96EA
REUNI Biofísica 2010 – Radiação Ionizante – O que é radiação ionizante? Características das partículas alfa, beta e radiação gama.
http://www.youtube.com/watch?v=Ch3w_THmn4U
Pontociência – Alfa e beta: dois tipos de radiação
http://www.youtube.com/watch?v=NOW0yGgvMmI
Pontociência – Desvio da partícula beta – Parte 1
http://www.youtube.com/watch?v=_ekgOpiImgs
Pontociência – Desvio da partícula beta – Parte 2
http://www.youtube.com/watch?v=UE7bz6koUIM
Pontociência – O experimento de Becquerel
http://www.youtube.com/watch?v=Do-p-GdWUc0
Differentiating Alpha, Beta and Gama Waves – Experiment Rutherford.
ttp://www.youtube.com/watch?v=4OkR-B4BpvA
Trabalho – Física Nuclear – Fusão e Fissão nuclear. Bomba atômica e Bomba de Hidrogênio. Caracterísicas das radiações alfa, beta e gama. Usina Nuclear e seu funcionamento. Pontos positivos e negativos da energia nuclear.
http://www.youtube.com/watch?v=mgFUrwwllxE
Radiações Alfa, beta e gama
http://www.youtube.com/watch?v=kHwa-9gDSVE
Química: Radioatividade 01 (Prof. Toid) – Experimento de Rutherford. Características das partículas alfa, beta e radiação gama. 1ª Lei da Radioatividade (Lei de Sody). 2ª Lei da Radioatividade (Lei de Sody, Fajans e Russel).
http://www.youtube.com/watch?v=hRxAy9rk2sE
Química: Radioatividade 02 (Prof. Toid) – Poder de penetração das partículas alfa, beta e radiação gama. Histórico da radioatividade. Fusão e Fissão Nuclear. Reator Nuclear. Contador Geiger-Muller. Tempo de meia-vida, cálculo e gráfico.
http://www.youtube.com/watch?v=YD4He9-ZSqY
Tipos De Radiação Partícula Alfa Beta E Radiação Gama. Poder de Penetração. Contador Geiger-Muller.
http://www.youtube.com/watch?v=N1TMhRKiOBk
Efeitos da radiação nuclear no organismo humano – Acidente de Fukushima. Penetração e efeitos da radiação no corpo humano. Efeitos da radiação no meio ambiente. O iodo e a tireóide – Jornal da Globo.
http://www.youtube.com/watch?v=7kiYqy_iHIM
O que a radiação pode causar – Escala de exposição em millisieverts(mSv)
http://www.youtube.com/watch?v=70UTvgRZXws
Radiação e o corpo humano – vídeo 1 (radiação alfa, beta e gamma)
http://www.youtube.com/watch?v=y0PIbMxHtEo
Radiação e o corpo humano – vídeo 2
http://www.youtube.com/watch?v=RdregY80Zm8
ENERGIA NUCLEAR

Energia Nuclear e seus benefícios – Vídeo produzido pela Prof. Anne Nascimento
http://www.youtube.com/watch?v=AyMp_uMebHY
Aplicações da Radioatividade – QUIMICA
http://www.youtube.com/watch?v=Cpl54FktmRo
Importância da energia Nuclear, seus pontos positivos e negativos. Histórico na energia nuclear no Brasil, Angra I, II e III. Chernobyl – Trabalho sobre Energia Nuclear
http://www.youtube.com/watch?v=yj0M-7-Hoeo
O átomo, funcionamento usina nuclear, lixo nuclear, Chernobyl – Energia Nuclear – Parte 1
http://www.youtube.com/watch?v=gLHl5PKZ-GM
Desafio Nuclear o uso da energia na medicina – Globo Vídeos – VIDEO
http://www.youtube.com/watch?v=0X6qQZjGXzs

ACIDENTE DE GOIÂNIA COM CÉSIO 137

Césio 137 – Linha Direta (parte 1 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=kdC70RKqQWk
Césio 137 – Linha Direta (parte 2 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=DYfO1oIKITw
Césio 137 – Linha Direta (parte 3 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=cO2g_XVC5XY
Césio 137 – Linha Direta (parte 4 de 4)
http://www.youtube.com/watch?v=bIDaAPkWgB0
BOMBA ATÔMICA

História da bomba atômica – Rede Globo – Fantástico
http://www.youtube.com/watch?v=Yvo0dyW1vTE
Bomba atômica – Trabalho escolar realizado por Nuno Ferreira – EXCELENTE VÍDEO!!!
http://www.youtube.com/watch?v=O8b09lsY9-k
Impacto Bomba Atômica em Hiroshima – EXCELENTE VÍDEO!!!
http://www.youtube.com/watch?v=VKnBLUujxgc
Bomba Atômica de Hiroshima e Nagasaki – Trabalho de química elaborado por NahhLi.
http://www.youtube.com/watch?v=ZDOZX9GaeO0

ANIMAÇÕES

RAIO-X
http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/17150/Web/labvirtq/simulacoes/tempUpLoad/sim_qui_raiox.htm

TEMPO DE MEIA-VIDA
Tempo de meia-vida – decaimento radioativo
http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/937/atividade3/atividade3.htm

Tempo de meia-vida – decaimento radioativo
http://www.walter-fendt.de/ph14br/lawdecay_br.htm

USINA NUCLEAR
Funcionamento Usina nuclear
http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/9572/atividade4/atividade4.htm

Houve vazamento de material radioativo, a agora? Com exercícios. http://www.labvirtq.fe.usp.br/simulacoes/quimica/sim_qui_radioatividade.htm

Deixe uma resposta

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: